Contabilidade de Condomínio em Dia

contabilidade de condomínio

A contabilidade de condomínio deve estar sempre em dia, e isso é referente tanto às movimentações financeiras serem feitas da forma correta, quanto para os documentos principais estarem em ordem e à disponibilidade do síndico. Assim, é preciso saber como proceder e o que manter ao alcance para quaisquer problemáticas.

Para contabilização dos movimentos financeiros e econômicos de um condomínio o síndico pode escolher qual será a forma de registros, para seu controle e prestação de contas. Mas ainda na ação de movimentação financeira, há alguns procedimentos tributários que devem ser do conhecimento do condomínio, para evitar complicações no futuro e controlar a contabilidade de condomínio.

Obrigações Tributárias de um Condomínio

  • Reter e recolher PIS/CONFINS/CLS (4,65% cod receita 5952) sobre a prestação de serviços se o valor for maior que R$ 5.000,00
  • Reter e recolher IRRF dos funcionários;
  • Recolher INSS patronal;
  • Reter e recolher 11% INSS sobre serviços prestados por autônomos;
  • Reter e recolher 11% INSS sobre serviços de mão-de-obra contratada.

Veja também o que acontece quando o síndico é remunerado, clique e acesse nosso post sobre o assunto.

Mesmo que o serviço seja terceirizado deve haver a retenção de tributos pelo condomínio, que é o responsável tributário, retendo o tributo para depois repassá-lo ao governo. Isso é de extrema responsabilidade da contabilidade de condomínio, para que não haja problemas e tudo aconteça de forma correta e padronizada.

Além de ter em mente a responsabilidade tributária das movimentações financeiras, é preciso ter devidamente organizado e em mãos os documentos essenciais do condomínio. Caso o condomínio não tenha seus papeis seguindo uma organização, torna-se dificultosa as demonstrações, prestações de conta e pagamentos em dia, por isso, é essencial que o síndico garanta a eficiência e ordem de documentos.

Os documentos fiscais devem ser mantidos na contabilidade do condomínio por pelo menos cinco anos.

  • Cartão do C.N.P.J. (CGC)

  • Apuração das contas da Administração anterior

  • Pastas com as despesas e receitas referentes aos últimos cinco anos

  • Pastas com as contas a pagar

  • Guias – Taxa anual de licença para o funcionamento dos elevadores e outros aparelhos de transporte, pagas à prefeitura

  • Contrato de seguro

  • Contrato para manutenção de elevadores , bombas d’água e piscina

  • Contrato de prestação de serviços da administradora

É imprescindível realizar e armazenar tudo da maneira certa, pois qualquer confusão ou desleixo pode causar uma ação contro o condomínio, e assim será um custo mais alto e gera desconfiança para com a gestão do condomínio. Tenha uma gestão preparada, com uma contabilidade de condomínio eficiente e evitará muitos problemas e ainda irá economizar tempo e dinheiro.

 

Conheça o SocialCondo, software de gestão de condomínios, que facilita o armazenamento de documentos e muito mais!

Aplicativo para condomínio - SocialCondo