Portaria de Condomínio: Deveres do Porteiro

portaria de condomínio

A portaria de condomínio é o local mais importante do condomínio, é a porta de entrada e onde transitam tanto moradores, visitantes, e prestadores de serviço, e por isso deve ser tratada com a devida atenção. O porteiro é o grande responsável pela segurança e ordem da portaria de condomínio, de forma a exercer sua posição de guarda e controle com clareza e disciplina.

O porteiro representa os olhos e atenção do condomínio, e deve tanto ter confiança e conhecer todas as suas atividades como a conduta do condomínio, como impor limites e não agir de forma despadronizada, mas sim seguindo as normas em ordem e sem flexibilizar, pois a segurança do condomínio que está em jogo. Sua posição na portaria de condomínio o torna o principal alvo e personagem caso haja alguma tentativa de assalto, e por isso deve estar preparado para agir de forma instruída e sensata, seguindo suas funções sem descuidos

As atividades do porteiro consistem em três principais focos: Correspondência, Autorização de Entrada/Saída, Ordem do Local. Iremos explicar cada ponto, e para visualização e melhor organização do condomínio, disponibilizamos o documento Modelo de Deveres do Porteiro para download gratuito, é só clicar aqui! Ele pode ser entregue para o porteiro e compartilhado sempre que preciso.

  • Correspondência

Tanto as correspondências convencionais, quanto pacotes e afins, chegarão através da portaria de condomínio, e o porteiro deve estar apostos para receber, sem permitir entrada no condomínio, e distribuir as cartas, e no caso de pacotes, avisar o respectivo morador sobre a chegada de sua entrega.

Evita-se ao máximo a entrada de estranhos no condomínio, por isso o porteiro deve primeiro fazer contato com o morador para confirmar que ele fez uma solicitação de entrega, e sugere-se que sempre o morador seja solicitado para buscar alguma encomenda, como entregas de pizza e afins. Dessa forma, dificulta-se a entrada de estranhos, o que gera insegurança e facilidade de acesso aos apartamentos.

  • Autorização de Entrada/Saída

O porteiro é o responsável por permitir a entrada e saída de pessoas que não moram no condomínio, e essa é uma atividade de grande importância para a segurança e ordem. Sempre que houver alguma visita, alguém que prestará consertos, faxina, e semelhantes, deve-se pedir a identificação antes de ser liberada a entrada. Só após a confirmação por parte do morador e devida identificação que pode ser liberada a pessoa externa, mesmo que essa visite o local com freqüência.

É importante flexibilizar o mínimo possível e sempre confirmar se há realmente a espera por parte do morador, sem aceitar que sempre se libere alguém externo ao condomínio.

  • Ordem do Local

O porteiro deve permanecer na portaria de condomínio o máximo de tempo possível para que não haja descuido e ninguém alerta ao entorno do condomínio. Caso haja alguma anormalidade, o porteiro pode sempre avisar os moradores, como elevadores fora de funcionamento, alguma área interditada ou mudança na rotina, para sempre manter o máximo de alinhamento. Qualquer confusão e ou comportamentos que não sigam as normas de conduta do condomínio podem ser alertadas pelo porteiro, sem sair de sua zona de atuação.

Nunca desvirtue o porteiro de sua função na guarda da portaria de condomínio, como solicitando que ele ajude com compras, ajuste o carro, etc.

Para deixar ainda mais claros as funções do porteiro, você pode manter na portaria de condomínio o nosso modelo de deveres do porteiro, não deixe de baixar aqui!

Boa sorte e aproveite toda a segurança de seu condomínio!

  • Pingback: Controle de Visitantes na Portaria de Condomínio - Blog do SocialCondo()

  • Pingback: Como contratar funcionários para o condomínio()

  • Davimar Gomes

    Porteiro que so marca presença e dorme, não faz absolutamente nada. O que fazer?
    Moro em um prédio de 12 andares com 12 aptos por andar.
    Neste prédio tem um outro bloco. Entrada 1 e 2.
    O porteiro da noite ja devia estar aposentado, mas continua a trabalhar se é que podemos chamar isso de trabalho.
    Ele so da boa noite a quem ele quer, senta na cadeira fora do prédio e dorme a noite toda, não usa uniforme, quem não conhece nem sabe que ele é o porteiro, so acorda para ir bater papo com o outro porteiro e so fica no posto quando tem jogo, pois assim ele assiste sentado.
    Se alguém lhe pede algo ele da patata ou coise ele é completamente sem educação e ética, ele trabalhava na portaria N°1 os moradores não suportando mais ele, pediu para o sindico tirar ai eles mandaram ele para minha portaria N°2.
    Ja me informei e falaram que não podemos fazer nada porque o sindicato deles é muito forte. Por outro lado nada, o sindico diz que condomínio não tem dinheiro para despedi-lo.
    O que pode ser feito concretamente?

    • Boa tarde Davimar,

      Vocês podem demitir o porteiro normalmente ou tentar por justa causa.

      1) Demissão tradicional: o condomínio deve pagar todos os direitos para o porteiro, inclusive aviso prévio e multa do FGTS. Adotando esta ação o condomínio TALVEZ acabe arcando com mais despesas do que a demissão por justa causa, mas com certeza o condomínio terá menos incômodos e preocupações. Você comentou que o condomínio não tem dinheiro para demitir o porteiro, certo? Se as ações do porteiro são vistas pelos demais moradores, e os mesmos concordam com a troca do porteiro, pode ser realizada uma assembleia, e então um RATEIO realizar a demissão e pagar os direitos do porteiro.

      2) Demissão por justa causa: é uma ação bastante delicada, pois normalmente o funcionário acaba entrando com processo trabalhista contra o condomínio. No caso de vocês desejarem realizar a demissão por justa causa, é recomendável que realizem o processo de desligamento da forma mais correta possível, e com testemunhas:
      a) Primeiro o porteiro deve receber advertência verbal
      b) Advertência por escrito na reincidência da ocorrência pelo porteiro
      c) Suspensão de 1 dia na reincidência subsequente
      d) Suspensão de 3 dias na reincidência subsequente
      e) Demissão por justa causa

      Lembrando que ao tomar as providências acima a chance dele ganhar o processo na justiça diminui, mas não garante que o condomínio ganhe a ação.

      Além disso, uma providência que pode ser tomada no condomínio para evitar os desleixos do porteiro é a instalação de câmeras de segurança na portaria.

      Recomendamos que vocês levantem o assunto em assembleia, de forma a tomar a melhor decisão possível para o condomínio, tanto com relação à segurança, quanto a possíveis incômodos futuros e gastos.

    • Gislainy Cristina

      Se ele está dormindo no horário de trabalho, eles podem demitilo por justa causa!

  • sabrina suzan

    Queria uma informação moro em condomínio residência tem um funcionário na portaria somente…vejo esse funcionário fzndo coisas q acho q naum e da sua função como pediram pra ele colocar cones na frente do portão para economizar energia e a vida útil do motor do portão…todo carro e passa esse funcionário tem e fica retirando os cones sendo q o portão está funcionando normalmente isso é trabalho dele fzer será q isso da algum problema para condomínio pois s além dele está exposto e se chover e ele fica doente ppis q eu sei porteiro tem q ficar dentro da guarita

  • Rangel Alano

    Boa tarde, O sindico do meu prédio colocou uma regra que o porteiro não poderá mais abrir a portaria para morador entrar, seja la em qualquer horário do dia, o morador somente entrará digitando a senha. Pela lei isso e permitido? Pois acho muito perigoso um morador ficar a noite na rua digitando a senha para poder entrar, e o porteiro na frente dele só olhando…

  • Kainan Olhos

    olá fui contratada para trabalha de porteira, minha carteira de trabalho está assinada como porteira, mais administradora do condomínio que eu trabalho, mim coloco para trabalha de recepcionista.O que devo fazer? isso é seto?

  • Yasmin Linz

    Tenho duvidas sobre porteiro na entrada de carros do condomínio, pois já possuímos uma portaria e o conselho cogitou a aquisição de mais um porteiro para a entrada da garagem, porém querem colocar a pessoa em um banco com um guarda-sol sem infraestrutura alguma. Eis minha duvida, isso é permitido? o porteiro não precisa de uma garita? e esta garita não tem que ter banheiro ou ser blindada? Ele pode ser porteiro ou deveria ser um vigilante? É o mais seguro? Tem alguma Lei ou regra que eu posso limitar o condomínio desta contratação ou pelo menos obrigue a fornecer uma estrutura adequada?